22 de dezembro de 2011

Fada Madrinha §ica §oares #103

Eu tenho uma madrinha por opção.
Sim, escolha  minha. Ela foi eleita pra esse cargo por meritos proprios.
Nem sei se ela sabe, mas sempre que e tenho que falar dela informo: Minha Madrinha.
Eu tenho madrinha e tudo, mas não somos próximas.
Não bastasse ela me amar e me tratar muito bem, eu era respeitada por ela. Sim Sim. Isso ainda na infância e adolescencia, até uns 16 anos ou 17... por ai.
Sempre que busco uma imagem alegre da minha infância, tem ela em quase todos os momentos.
Seu sorriso, seu interesse pelo que eu pensava e como me sentia.
Um anjo.
Ela foi um anjo de paz, sua casa um refúgio. Seus braços um conforto sem fim.
Hoje em dia estamos distantes, mas sei que além de não ter acabado seu amor por mim se estende a minha filha, que ela chama de neta. 
Ela foi minha amiga quando eu nem sabia do que se tratava amizade.
Me acompanhou na busca por um vestido de formatura, me fazendo mais do que companhia: provando que se importava.
A gente foi ver Titanic no cinema e ela me disse: "vou te amar pra sempre". Eu respondi Eu também.
Até agora, a gente cumpriu.

A vida vale a pena sim!


                                    Sica Soares você é minha Fada Madrinha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário